quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Resumo de mais um Outubro



Está passando.... mais um ciclo que se conclui e outro que se inicia.
São assim os meus Outubro´s.
Com a certeza de que no fim do ano serei um novo homem ao lado da minha futura esposa.
Estou seguindo os passos que Deus tem colocado em meu caminho.
Em meio as turbulências dos preparativos desse casamento, encontramos paz.
E como é bom acordar com meu amor me dando bom dia com biquinho.
Resumindo, esse ciclo me reservou surpresas boas e ruins...
Até o momento que assumi casar, vi quem realmente só tinha interesses.
E encontrei verdadeiros novos amigos.
Mesmo tendo muita história para contar ando ausente no meu caderno de poesias.
Mas tudo está seguindo bem graças ao meu bom Pai.
E mais surpresas virão =)

domingo, 29 de julho de 2012

Mais uma manhã..

De manhã acordo com seu sorriso
Sinto seu cheiro de manha
Seus cabelos no meu rosto
E sua boca sorrindo ao me ver...

Meu espirito sente sua falta
Seus lábios me acalmam
Meu corpo te devora
Te possuir apenas com um olhar...

De manhã eu te desejo
Com esse olhar de menina assustada
Querendo seu corpo inteiro
De conchinha e grudada...

Só sei que com você minha alma sente paz
E se já tinha certeza de que é com você
Que quero casar..
Tenho mais certeza ainda que é com você que quero viver o resto dos meus dias...


Para todo o sempre... "Ad Aeternum"

quinta-feira, 21 de junho de 2012

Ela é...


Ela é...
Uma razão para sorrir
Um motivo para amar
Um carinho a demonstrar
Um sentidoa meu coração disparar
Uma forma de expressar
Uma luz para me mostrar
Um conforto para me acalmar

Elá é 
a que me faz ter arritimias, 
é a que me faz sentir saudades intensas, 
a que me faz suar frio a sua espera, 
a que mexe com meus desejos mais íntimos, 
a que faz minha inspiração brotar
a que da sentido a minha música mais melódica
E principalmente é o libertar de meus anseios e medos.

Hoje me vejo ao seu lado e vejo que você me faz transbordar, o que completamos um no outro. E que seja assim "para todo sempre"

Jonh Wolf

domingo, 10 de junho de 2012

Um dia


Um dia ele se tornou um ser frio em que nada confiava e tudo o que tocava perdia vida...
Começou a viver superficialmente sobre todas as coisas que supostamente suportava...
E de repente ele lembra do poema lido na faculdade sobre o dia de um santo, não que ele acreditasse em santos, mas o poema o lembrava de algo que o fazia querer acreditar...
Dizia: "Se chover no dia de são "sweeting", algo com certeza vai permanecer..." e ainda enterrado com seus sentimentos de outrora caído, via todos os dias 15 de Julho fazer sol...
Até que um dia, um sorriso encantador visto apenas uma vez por seus olhos secos, que muito não derramava uma lágrima sequer por qualquer motivo, brilharam...
E doces palavras a esta jovem foram ditas, assim como uma arritmia que ele não sabia de onde vinha, pulsava quando ele olhava para ela.
E assim foram algumas noites sem dormir, ao menos de imaginar que ela poderia estar mais uma vez ali, parada olhando para ele e sorrindo de seu jeito.
Então eles sairam, dançaram, cantaram e ele tocou seu violão que há muito tempo estava empoeirado.
Foi simplesmente mágico, todos em volta olharam estranhamente aquele casal que admirava o pôr-do-sol como se fossem abençoados pela natureza, o simples se tornou tudo naquele momento...
O beijo, o carinho, as palavras, a dança. Tudo era parte de um cenário glorioso.
E como já era de se temer, ao perceber que talvez estivera diante daquela que quebrantava seu gélido coração que há muito não pulsara, chorou todas as lagrimas contidas de anos de reclusão, pedindo que só desta vez ele não estragasse tudo ou ao menos que só dessa vez ele pudesse viver aquilo que tanto esperava...
E junto com suas lágrimas no dia 15 de Julho pela primeira vez chovera, como nunca....

quinta-feira, 24 de maio de 2012

À francesinha...

E ela vem dançando e girando com sua saia de cores vibrantes.
Um sorriso tímido aparece, estremecendo a minha visão.
Como dizia Gainsbour "Um céu liquido que enche de estrelas meu coração"
E la vai ela girando e girando...
Como uma princesa dançando em seu baile de casamento.
No amamos com os olhos ao dançar "La Janvanaise".
Voamos por cima dos prédios.
Por fim ele disse que estava tentando não ter vontade de beija-la.
Por fim ela disse que era uma pena...
E antes dela ir embora ele disse, dancemos mais uma vez?
E todo o amor voltou, ao espetáculo de "La Javanaise"


"O sol é raro
E a felicidade também
Amor vagueia
Ao longo da vida"  - Serge Gainsbour








quarta-feira, 16 de maio de 2012

Caothic Change


"sinto falta da felicidade de ser triste.." - Kurt Cobain

Em combustão interna, ando vagando pelos dias que vejo no espelho.
Com um pequeno buraco negro dentro do espirito sugando todos os meus sonhos...
E ainda continuo sentindo que algo vai acontecer... algo forte e talvez terrível.
Vejo o que tenho a minha volta e a insatifação é imensa..
Não pelas coisas materiais, isso é transitório pra mim...
Mas ainda sinto meu espirito fraco é como se eu fosse destinado a algo
Que estou cansado de esperar que aconteça.
A vontade é de explodir, mas continuo frio o mais gélido possivel.
A razão volta e eu volto com os planos....
Busco os dias mais intensos e mesmo que não sejam alegres que me movimentem.
Como a neve tocando um corpo em chamas é essa a sensação.
Ja busquei muito a razão de viver e talvez hoje eu busco a razão para não morrer.
Tudo é transitório, assim como a vida é o nascimento do ser
A morte é apenas a ausencia completa dele...
Até eu me ausentar pretendo deixar um legado e é isso que icomoda tanto...


"Ain't it a shame to go fishin on a Sunday
Ain't it a shame
Ain't it a shame to go fishin on a Sunday
When you got Monday, Tuesday, Wednesday
Oh, Thursday, Friday, Saturday"
 
Ao som de nirvana que me define em estado de caos.

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Quase sem querer

Definição é difícil, acho que é a parte de mim que não consigo expor como uma escrita.
Tem que ser algo sentido, algo relação ação e explosão.
Voar é o que eu mais queria, ao menos ganhar o mundo com uma mochila nas costas...
Soar o sino do inconsciente e tonar realidade.
Fazer sem me preocupar com o que pode ou não acontecer.
Explodir e implodir de felicidade, ultimamente não tenho me permitido
E isso tem me deixado estranho até para mim mesmo...
O que sinto agora é mais a relação de inconformidade com a relação de que não está bom.
Certo seria se eu conseguisse gritar sem pudor, ao menos aqui eu posso...
Saudades de escutar música sem ter um propósito...
Apenas pelo gosto...
E quase sem querer vou levando a vida

"Já não me preocupo se não sei por que
As vezes o que eu vejo quase ninguém vê"

Ao som de uma das músicas que me define. "Quase sem querer" - Legião Urbana

terça-feira, 13 de março de 2012

Qual o valor de cada palavra?


As palavras tem um dom especial na vida de cada um, são elas que nos mostram como somos realmente, elas expressam o que o coração sente vontade de dizer. Podendo fazer-nos sorrir, chorar, brincar, sentir e até ferir. As palavras podem calar os corações mais inquietos, agitar os mais gélidos e transformar o imutável.
Palavras não são pequenas diante dos sentimentos.
Elas nos mostram que podemos viajar entre mundos sem sequer sair do lugar.
As palavras são poderosas e muitas vezes incompreendidas
Quais são as palavras que você mais usa na vida? 
E qual o significado de cada uma delas para você? 
Eu encontrei esse livro espírita e dentro dele tinha esse "vocabulário da vida" escrito pelo autor Luiz Gonzaga Pinheiro. 
Além de belíssimas definições de palavras que continha no livro, ainda me inquietou pela falta de algumas palavras que acredito que são também fundamentais. Pelo menos uma delas não existe no vocabulário tradicional, foi uma invenção... Então propus a algumas pessoas quem tem o dom de escrever com os sentimentos a definição das que faltaram e as coloquei antes do texto do livro.

Arengamento - É quando um simples carinho não é o suficiente para demonstrar que aquela pessoa é muito especial para você, você arenga com ela para mostrar que o importante é estarmos juntos, independente de tudo.

Amor - Amor é o substantivo mais concreto de todos os que dizem ser abstrato. Porque cada um sabe o que ama e ama mais ainda quando pode tocar. De abstrato não tem nada. Amor não é como o vento, não é como o mar, amor é caleidoscópio. Aparentemente uma mesma coisa, mas cada um, cada olhar que esbarrar nele vai ter uma imagem diferente. Por que amor para mim nunca será amor para outra pessoa, nem para o meu amor mesmo...
Esperança - É a pausa que faz refletir e agradecer. É recomeçar e ir...
 
Bondade - Bondade é a capacidade de pensar em se colocar no lugar de outro, querer o bem e só esperar como recompensa a satisfação de ter tido a capacidade de ajudar.

Intuição - Acredito que seja a percepção mais pessoal que alguém pode ter. Pressentimento, um pré-entendimento, uma quase antecipação de fatos, ou eventos. O sexto sentido.

Por Jefferson Garoto
Impulsividade - é o estar antes do ser. É dedicar-se ao sentir sem nada temer. É viver sem pensar e esquecer de morrer...



O Vocabulário da Vida
(Do livro "O Homem que veio da sombra")

Adeus: É quando o coração que parte deixa a metade com quem fica
 
Amigo: É alguém que fica para ajudar quando todo mundo se afasta

Amor ao próximo: É quando o estranho passa a ser o amigo que ainda não abraçamos
 
Caridade: É quando a gente está com fome, só tem uma bolacha e reparte.

Ciúme: É quando o coração fica apertado porque não confia em si mesmo.

Carinho: É quando a gente não encontra nenhuma palavra para expressar o que sente e fala com as mãos, colocando o afago em cada dedo
 
Cordialidade: É quando amamos muito uma pessoa e tratamos todo mundo da maneira que a tratamos

Doutrinação: É quando a gente conversa com o Espírito colocando o coração em cada palavra

Evangelho: É um livro que só se lê bem com o coração 

Entendimento: É quando um velhinho caminha devagar na nossa frente e a gente, estando apressado, não reclama.

 Evolução: É quando a gente está lá na frente e sente vontade de buscar quem ficou para trás

Fé: É quando a gente diz que vai escalar um Everest e o coração já o considera feito
 
Filhos: É quando Deus entrega uma jóia em nossas mãos e recomenda cuidá-la.

Fome: É quando o estômago manda um pedido para a boca e ela silencia.

Inimizade: É quando a gente empurra a linha do afeto para bem distante.

Inveja: É quando a gente ainda não descobriu que pode ser mais e melhor do que o outro. 
Lágrima: É quando o coração pede aos olhos que falem por ele.

Lealdade: É quando a gente prefere morrer que trair a quem ama.

 Mágoa: É um espinho que a gente coloca no coração e se esquece de retirar

 Maldade: É quando arrancamos as asas do anjo que deveríamos ser
Morte: Quer dizer viagem, transferência ou qualquer coisa com cheiro de eternidade.
 
Netos: É quando Deus tem pena dos avós e manda anjos para alegrá-los.

Obsessor: É quando o Espírito adoece, manda embora a compaixão e convida a vingança para morar com ele.

Ódio: É quando plantamos trigo o ano todo e estando os pendões maduros a gente queima tudo em um dia.
 
Orgulho: É quando a gente é uma formiga e quer convencer os outros de que é um elefante.
 Paz: É o prêmio de quem cumpre  honestamente o dever

Perfume: É quando mesmo de olhos fechados a gente reconhece quem nos faz feliz.

Preguiça: É quando entra vírus na coragem e ela adoece.

Pessimismo: É quando a gente perde a capacidade de ver em cores.

Perdão: É uma alegria que a gente dá e que pensava que jamais a teria.

 Preguiça: É quando entra vírus na coragem e ela adoece

Raiva: É quando colocamos uma muralha no caminho da paz.

Saudade: É estando longe, sentir vontade de voar; e estando perto, querer parar o tempo.
 Sexo: É quando a gente ama tanto que tem vontade de morar dentro do outro

Simplicidade: É o comportamento de quem começa a ser sábio.

Sinceridade: É quando nos expressamos como se o outro estivesse do outro lado do espelho.
Solidão: É quando estamos cercados por pessoas, mas o coração não vê ninguém por perto.
Supérfluo: É quando a nossa sede precisa de um gole de água e a gente pede um rio inteiro.
Ternura: É quando alguém nos olha e os olhos brilham como duas estrelas
 
Vaidade: É quando a gente abdica da nossa essência por outra; geralmente pior.




"Agradecimentos à : Taynná Griip, Rebeca Gondim e meus amigos lupinos Jeff, Diego e Ivinho. "

quinta-feira, 8 de março de 2012

Para a graciosidade que nos rodeia eternamente...

 

Mulheres....
Todos os teus encantos trazidos entre sorrisos e abraços...
Durante a vida subjulgada, na vitória desejada.
Poderosa nas ações
Guerreira no arduo trabalho de ser mãe.
E como és maravilhosa.
Tudo que és vem do divino
Espera no mar do abandono, 
Vocês que são tão loucas
Seu beijo na boca, uma taça de vinho...

Posso escrever mil palavras
Para dizer o quanto és mais
Posso fazer eterno agradecimento
Pela existencia de suas vidas.
Voces me facinam.



Ser que chora para fazer sorrir
E ri para não nos fazer chorar.
Se existe uma beleza única na mulher é sua vontade.
E a maneira que deixa em muitos, o desespero.
Para vocês apenas mais um desejo.
De mostrar o quanto tu és feminina.
E ainda por cima...
Mulher.

O passo de um homem nunca foi tão importante
Quanto aquele que ele da com a sua mulher ao lado.

Feliz dia internacional das mulheres para todas.

(João Átila B. Melo)

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Tudo começa com uma escolha...


E tudo sempre começa com as escolhas que fazemos.
Quando se toma a atitude de seguir um caminho, deixamos de seguir outros.
E como todo caminho inicial, nada como alguns desafios pela frente.
A busca pela paz de espirito é sempre o que rege minhas escolhas, mas nem sempre as faço corretamente
Nem sempre é possível acertar.... entre sofrer e fazer alguem sofrer
As vezes somos egoístas por cuidar mais de nós mesmo e as vezes somos apenas nós mesmos...
É muito fácil controlar, basta aquela pitada de aventura com um pouco de sadismo...
Estou voltando a minha segunda casa e estou voltando a fazer parte de seu "escudo humano".
E eu sinto falta... talvez como um normal ser humano não me conforme mais uma vez, mas temos que nos permitir afinal de contas...
E eu fui, disse sim a vida e segui.
Mesmo que seja a mais sapiente decisão que já tomei ou não, só o tempo dirá os frutos que colherei.
Abandonei muita coisa, inclusive aquilo que sabia que não poderia ter em mãos.
"José Cuervo e Pizza de Atum" ficaram de lado e doeu... ainda doí... mas eu fui.
Talvez fosse diferente ou talvez será quem sabe? rsrs
Apenas Deus vai me dizer as consequencias de meus atos.
Mas enquanto Ele estiver em meu coração eu sei que nada temerei.
Enquanto puder pintar sorrisos em paredes com textura, a vida vai me mostrar que a felicidade ainda é so uma questão de ser.
E enquanto puder sentir o gosto de um delicioso temaki vou poder sorrir...
E assim meus dias não serão perdidos.

"Um dia sem sorrir é um dia perdido" - Charles Chaplim

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Sejamos Hipócritas rsrsrsrs


Sejamos Hipócritas!
Um brinde a todos aqueles que se escondem atrás de suas mascaras.
A todos aqueles que roubam verbas da nação e ainda aparecem na telinha sorrindo.
Um brinde a todos os falsos amigos e falsos amores por que tudo foi apenas isso, falso.
A todos os falsos abraços.
Falsos beijos.
Falsos "eu te amo".
E falsa cumplicidade.
E que sejamos entorpecidos de mentiras e promessas não cumpridas.
Por que afinal somos apenas os que "fazem o que é certo".
Que nos deixem bater na cara, por que temos que dar a outra face.
E mais um brinde, ao sarcasmo que me toma hoje em meio a essa imensidão chamada vida.

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Quando uma leoa chorou...


"Ah se arrependimento matasse".
Já ouvi muito essa expressão vindo de minha genitora...
E o ruim é sempre admitir que ela está sempre certa.
Ela pediu para eu ter cuidado e eu não tive...
Machuquei alguem apenas por defender uma coisa obvia, o coração.
O problema não foi apenas ter dito não, foi depois de ter dito varias vezes não e ter perdido a cabeça...
"Cabisbaixo sussurrei a mim: - Eu errei, mas sou um humano falho, nunca fui perfeito..."
Talvez fosse falta de alguem para ouvir, ou apenas o carinho...
E mesmo saindo na madrugada para por em um carro o motivo de minha insonia, te faltei o respeito...
Te falei as verdades engasgadas por aquela atitude inóspita e cruel com você mesma.
Coloquei você a frente dos seus medos e mesmo vendo as lagrimas jorrar de seu rosto, tive que ser frio.
Se eu fraquejasse, jamais você me daria ouvidos naquela situação.
Se meu maior pecado foi cuidar, o outro foi recuar quando talvez fosse o momento mais critico
Ir embora e deixar você ali, foi como jogar uma pedra em meu rosto.
Doeu viu?
Apenas queria que você olhasse para o espelho, mas que encarasse de frente.
Te pedi desculpas, mas você não ouviu por que eu já estava longe...
Só queria não ter que faze-la sofrer.
E mesmo sendo tachado de arrogante, bossal, egocêntrico, chato, incompreensivel e complicado.
Te levei para casa, e de lá...
Talvez você nunca volte a falar comigo,
Ou sejam apenas palavras frias em voz de veludo (como diria paralamas).
Perdi a fome e o sono.
Por apenas ser honesto... e fui...
Orei, ajoelhado e em lagrimas.


Parece que 3 Doors Down tem uma magica combinação com esses momentos em minha vida...

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Sobre a liberdade.


O que te liberta?
A mim, além de Deus acho que todos já devem ter notado que é a musica.
Nada mais libertador que algo que te trás a tona aquilo o que você tem de melhor.
Quantas chances você teve na vida para se libertar das correntes?
É fácil falar como o velho ditado diz, o problema é vencer um argumento vindo do agourado.
Aprendi a conviver com a chuva por que faz frio e como eu gosto da chuva.
Só que a chuva nos deixa um pouco mais presos e preguiçosos.
Aprendi a arrancar sorrisos e bochechas rosadas com palavras e isso foi uma das coisas mais incríveis.
Não por duvidar de minhas capacidades, mas pelo fato de saber que a pessoa do outro lado ficou exatamente como esperava.
Ah liberdade, por que eu não tivemos um bom relacionamento antes? rs
É essa liberdade que permita que eu expresse meu "foda-se" a quem repudio, ou um "eu te adoro" a quem faz parte da minha vida e da essência do meu sorriso.
E mais, aprendi que tenho liberdade de expressar minha inteira indignação para algumas situações por que eu sei o que quero. Pode parecer diferente vindo de mim esse post?
É como eu disse no post anterior.
Jonny be good NO MORE.

domingo, 15 de janeiro de 2012

Jonny Be Good No More

E como o título já diz, nasceu de um doloroso termino de relação.
Onde ficaram as cicatrizes e onde se foi jogado sal.
Sabe como dizem? cicatriza mais rápido a dor e isso é algo da cabeça rsrs
Essa música que é o jargão de nosso projeto (Five Against the One).Após serem demitidos do GOTLASV por que o egocentrismo falou mais alto nesse dia e eles foram demitidos, dai então fizeram um pacto sobrou o TLASV.
Não vi nenhuma descrição tão próxima do que eu senti, como a que meu amigo jeff colocou no blog dele. (vide o blog Lobisomem Juvenil)
E ele esteve acompanhando todos os detalhes jornalísticos desse acontecimento em minha vida. (E não foi nenhuma imprensa marrom rsrs)
E para ironizar ainda mais a brincadeira, mais uma verdade: "Alguém tem que estar na lama para a banda poder voltar, sempre". Dito por JG falando essa, afinal nunca temos tempo quando estamos namorando.
Mesmo que seja uma alusão a musica do Cidade Negra, onde apenas o trecho "jonny be good" era atribuído a minha pessoa, esta aqui é uma descrição de uma situação que muitos corações por ai a fora já passaram, e por que não compartilhar?
Aqui vai Jonny Be Good No More.


Jonny Be Good No More

You are so cute
Also too good for me
But, my baby, now my mouth is free
So, just pay a movie and stay away from me 

You were alright: I am broke
You were alright: I’m alone in my side
You were alright: I am fucked
You were alright: I smash my pride

Johnny be good no more
Johnny be good no more
Johnny be good no more
Johnny be good no more

You are so motherfucker
You were alright: Was like a sucker
But, my baby, now there isn’t forever
You are by out now more than never

Johnny be good no more
Johnny be good no more
Johnny be good no more
Johnny be good no more


quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Mais uma continuação

E a vida continua com seus altos e baixos.
2012 não começou exatamente como eu gostaria, mas ao menos o impacto que precisei causar de inicio, já valeu a pequena tentativa falha de independência total.
Falta mais organização.
Talvez essa seja a palavra que falta em mim, preciso organizar meu coração, minha estrutura familiar meu trabalho e me falta coragem e iniciativa as vezes.
Não que meu coração esteja desorganizado, mais ainda não encontrei quem o faça pulsar mais rápido, além da musica e dos solos de guitarra que toco.
Acredito que a rejeição seja o que corroe a mim, não administro bem os foras que a vida tem me dado mas acho que tem me tornado mais rígidos pra as variadas situação.
E só porque fatores externos tem me provocado a não ir a academia, hoje eu fui mesmo com eles.
"Fazer a diferença só é uma questão de atitude."
Chega de se perguntar quando será minha hora, por que ela já começou a vinte e poucos anos atrás quando um libriano viera ao mundo.
Mais ou bem persistente e perseverante apesar de as vezes (como ser humano que sou) fraquejar ou ter um principio de auto-negação de minha existência.
24h foram uma eternidade longe do meu pimpolho de 4 patas que tem me feito sorrir com o figado, mesmo estando meio desanimado com a vida.
E como já diria o saudoso poeta do cinema mudo: "Um dia sem sorrir, é um dia perdido".
E continuo minha jornada, mesmo tendo pedras para pisar e sapos para engolir não desisto.
Que Deus esteja com todos nós e seja nossa base.