segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Quando uma leoa chorou...


"Ah se arrependimento matasse".
Já ouvi muito essa expressão vindo de minha genitora...
E o ruim é sempre admitir que ela está sempre certa.
Ela pediu para eu ter cuidado e eu não tive...
Machuquei alguem apenas por defender uma coisa obvia, o coração.
O problema não foi apenas ter dito não, foi depois de ter dito varias vezes não e ter perdido a cabeça...
"Cabisbaixo sussurrei a mim: - Eu errei, mas sou um humano falho, nunca fui perfeito..."
Talvez fosse falta de alguem para ouvir, ou apenas o carinho...
E mesmo saindo na madrugada para por em um carro o motivo de minha insonia, te faltei o respeito...
Te falei as verdades engasgadas por aquela atitude inóspita e cruel com você mesma.
Coloquei você a frente dos seus medos e mesmo vendo as lagrimas jorrar de seu rosto, tive que ser frio.
Se eu fraquejasse, jamais você me daria ouvidos naquela situação.
Se meu maior pecado foi cuidar, o outro foi recuar quando talvez fosse o momento mais critico
Ir embora e deixar você ali, foi como jogar uma pedra em meu rosto.
Doeu viu?
Apenas queria que você olhasse para o espelho, mas que encarasse de frente.
Te pedi desculpas, mas você não ouviu por que eu já estava longe...
Só queria não ter que faze-la sofrer.
E mesmo sendo tachado de arrogante, bossal, egocêntrico, chato, incompreensivel e complicado.
Te levei para casa, e de lá...
Talvez você nunca volte a falar comigo,
Ou sejam apenas palavras frias em voz de veludo (como diria paralamas).
Perdi a fome e o sono.
Por apenas ser honesto... e fui...
Orei, ajoelhado e em lagrimas.


Parece que 3 Doors Down tem uma magica combinação com esses momentos em minha vida...

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Sobre a liberdade.


O que te liberta?
A mim, além de Deus acho que todos já devem ter notado que é a musica.
Nada mais libertador que algo que te trás a tona aquilo o que você tem de melhor.
Quantas chances você teve na vida para se libertar das correntes?
É fácil falar como o velho ditado diz, o problema é vencer um argumento vindo do agourado.
Aprendi a conviver com a chuva por que faz frio e como eu gosto da chuva.
Só que a chuva nos deixa um pouco mais presos e preguiçosos.
Aprendi a arrancar sorrisos e bochechas rosadas com palavras e isso foi uma das coisas mais incríveis.
Não por duvidar de minhas capacidades, mas pelo fato de saber que a pessoa do outro lado ficou exatamente como esperava.
Ah liberdade, por que eu não tivemos um bom relacionamento antes? rs
É essa liberdade que permita que eu expresse meu "foda-se" a quem repudio, ou um "eu te adoro" a quem faz parte da minha vida e da essência do meu sorriso.
E mais, aprendi que tenho liberdade de expressar minha inteira indignação para algumas situações por que eu sei o que quero. Pode parecer diferente vindo de mim esse post?
É como eu disse no post anterior.
Jonny be good NO MORE.

domingo, 15 de janeiro de 2012

Jonny Be Good No More

E como o título já diz, nasceu de um doloroso termino de relação.
Onde ficaram as cicatrizes e onde se foi jogado sal.
Sabe como dizem? cicatriza mais rápido a dor e isso é algo da cabeça rsrs
Essa música que é o jargão de nosso projeto (Five Against the One).Após serem demitidos do GOTLASV por que o egocentrismo falou mais alto nesse dia e eles foram demitidos, dai então fizeram um pacto sobrou o TLASV.
Não vi nenhuma descrição tão próxima do que eu senti, como a que meu amigo jeff colocou no blog dele. (vide o blog Lobisomem Juvenil)
E ele esteve acompanhando todos os detalhes jornalísticos desse acontecimento em minha vida. (E não foi nenhuma imprensa marrom rsrs)
E para ironizar ainda mais a brincadeira, mais uma verdade: "Alguém tem que estar na lama para a banda poder voltar, sempre". Dito por JG falando essa, afinal nunca temos tempo quando estamos namorando.
Mesmo que seja uma alusão a musica do Cidade Negra, onde apenas o trecho "jonny be good" era atribuído a minha pessoa, esta aqui é uma descrição de uma situação que muitos corações por ai a fora já passaram, e por que não compartilhar?
Aqui vai Jonny Be Good No More.


Jonny Be Good No More

You are so cute
Also too good for me
But, my baby, now my mouth is free
So, just pay a movie and stay away from me 

You were alright: I am broke
You were alright: I’m alone in my side
You were alright: I am fucked
You were alright: I smash my pride

Johnny be good no more
Johnny be good no more
Johnny be good no more
Johnny be good no more

You are so motherfucker
You were alright: Was like a sucker
But, my baby, now there isn’t forever
You are by out now more than never

Johnny be good no more
Johnny be good no more
Johnny be good no more
Johnny be good no more


quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Mais uma continuação

E a vida continua com seus altos e baixos.
2012 não começou exatamente como eu gostaria, mas ao menos o impacto que precisei causar de inicio, já valeu a pequena tentativa falha de independência total.
Falta mais organização.
Talvez essa seja a palavra que falta em mim, preciso organizar meu coração, minha estrutura familiar meu trabalho e me falta coragem e iniciativa as vezes.
Não que meu coração esteja desorganizado, mais ainda não encontrei quem o faça pulsar mais rápido, além da musica e dos solos de guitarra que toco.
Acredito que a rejeição seja o que corroe a mim, não administro bem os foras que a vida tem me dado mas acho que tem me tornado mais rígidos pra as variadas situação.
E só porque fatores externos tem me provocado a não ir a academia, hoje eu fui mesmo com eles.
"Fazer a diferença só é uma questão de atitude."
Chega de se perguntar quando será minha hora, por que ela já começou a vinte e poucos anos atrás quando um libriano viera ao mundo.
Mais ou bem persistente e perseverante apesar de as vezes (como ser humano que sou) fraquejar ou ter um principio de auto-negação de minha existência.
24h foram uma eternidade longe do meu pimpolho de 4 patas que tem me feito sorrir com o figado, mesmo estando meio desanimado com a vida.
E como já diria o saudoso poeta do cinema mudo: "Um dia sem sorrir, é um dia perdido".
E continuo minha jornada, mesmo tendo pedras para pisar e sapos para engolir não desisto.
Que Deus esteja com todos nós e seja nossa base.